Sorriso de Esperança volta ao HULW integrado ao projeto MelhorArt

27/09/2016

0

Numa parceria inédita com o Departamento de Música da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e o Hospital Universitário Lauro Wanderlei (HULW), os voluntários do projeto Sorriso de Esperança voltaram a tocar nas dependências do atendimento ambulatorial, toda semana, no horário das 6h às 7h, em apresentações para uma média de 250 pacientes diários que procuram atendimento naquela unidade. A atividade musical no ambulatório voltou a funcionar no último mês de junho (dia 13), e é motivo de comemoração para os participantes do projeto, com a perspectiva de tornar esta parceria um modelo a ser seguido por outras instituições universitárias.

Conforme explica Barbosa Sobrinho, do projeto Sorriso de Esperança, a emoção maior foi a realização de uma ideia há mais de cinco anos pensada, que é a integração de diferentes setores da universidade e da sociedade civil, com o objetivo de prestar um serviço à população, no caso os usuários do SUS: “Este era um objetivo que vínhamos buscando há mais de cinco anos, que era a integração, através de um projeto de extensão, que vinculasse o Departamento de Música da UFPB ao HULW. Com isso, acredito que estamos mais perto de dar uma maior visibilidade ao Sorriso de Esperança, de forma que outros hospitais universitários possam fazer o mesmo”, explicou.

Os pacientes e funcionários do HULW poderão acompanhar o projeto diariamente. A iniciativa tem o apoio do superintendente da unidade hospitalar, o professor doutor Arnaldo Medeiros. O Sorriso de Esperança foi integrado ao projeto MelhorArt, elaborado pela professora Cláudia Batista de Melo, do Departamento de Clínica e Odondologia Social, e equipe do Departamento de Música. A partir desta parceria, os voluntários do Sorriso de Esperança serão cadastrados e incluídos nas ações da MelhorArt. 

Comentários